Criações e Sites

Só mais um site WordPress

A Hospitalidade No Destino Turístico Rio De Janeiro

Esse empenho por parte dos municípios, principalmente por parte dos de maior classificação, reflete o interesse em se modernizar e acompanhar as tendências do mercado turístico, ou seja, estes municípios compreendem a importância de almejar um patamar maior em relação ao seu estado atual, fortalecendo assim o turismo no estado como um todo. Para Boes, Buhalis e Inversini, um dos componentes fundamentais na “evolução” de um destino turístico para um destino turístico inteligente são as tecnologias da informação e comunicação. Ivars-Baidal, Solsona-Monzonís e Giner-Sánchez, também destacam o papel dessas tecnologias como o ferramental necessário para a gestão de um destino inteligente. Buscando se manter na liderança e atenta às mudanças do mundo, principalmente do comportamento do turista, o país desenvolveu a estratégia de destinos turísticos inteligentes. Os resultados da experiência espanhola chamaram a atenção de outros países, que também estão realizando suas transformações baseadas nessa metodologia. Tudo isso provocou uma mudança significativa na relação entre clientes e empresas turísticas.

A Feira Internacional de Turismo da Amazônia será aberta oficialmente ao público, nesta quinta-feira, às 18 horas, no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. Um total de 35 seminários, palestras, mesas redondas, fóruns, convenções, clínicas tecnológicas, cozinha show, espaço de comercialização do Passaporte Pará, produtos da gastronomia paraense, cases de sucesso e exposições compõem a programação da feira que vai até o próximo domingo. A solenidade de abertura vai contar com a presença do governador em exercício, Zequinha Marinho, do Praias secretário de Estado de Turismo, Adenauer Góes, do presidente da Associação Pan Amazônia, Belisário Arce, deputados da Frente Parlamentar pelo Turismo, entre outras autoridades. Confira o site Quem Te Ligou que traz informações sobre ligações nacionais, ligações internacionais, lista de DDD e lista de DDI. Os espaços foram planejados para que os colaboradores e visitantes tenham uma experiência agradável durante a permanência na instituição. “É uma indicação que vem de fora e, portanto, mostra que estamos retomando nosso crescimento no turismo.

Penha é uma das cidades brasileiras que acaba de receber o selo de reconhecimento internacional de Destino Turístico Seguro, o “Safe Travels” do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (World Travel & Tourism Council – WTTC). Longe de esgotar o assunto, o objetivo é começar uma reflexão para embarcarmos nessa nova era e tornar nossos destinos mais inteligentes.

o que é um destino turístico

Ministério Do Turismo Indica O Recife Como Destino Turístico Inteligente

Nesta edição somente os Municípios do Estado de São Paulo podem participar através de inscrição em formulário eletrônico no site oficial. A população de cada município terá como referência para o cálculo acima o “Dado Populacional Estimado do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística” da data do início das votações. As entidades realizadoras se comprometem em manter em sigilo absoluto a identidade do votante, divulgando apenas o resultado total ou parcial das apurações dos votos. Podem participar todos os Municípios do Estado de São Paulo, exceto a capital São Paulo por ser considerada “hors concours”. É obrigatório o preenchimento de cadastro por um representante do Município no site oficial.

Destino Turístico Inteligente: Como Começar?

Além disso, será realizado um diagnóstico situacional dos destinos que farão parte do projeto e a capacitação de gestores federais e locais. A primeira razão para apostar no desenvolvimento de um DTI é acompanhar o movimento global. À medida que destinos turísticos maduros usam inteligência no planejamento, tomada de decisão e ações, naturalmente tornam-se mais competitivos. A iniciativa envolve, além do desenvolvimento de uma metodologia adaptada à realidade brasileira para o desenvolvimento de Destinos Turísticos Inteligentes, a realização de um diagnóstico situacional dos destinos que farão parte do projeto e a capacitação de gestores federais e locais. Para dar um exemplo prático, morei um ano em Palma de Mallorca (Ilhas Baleares – Espanha) – do final de 2006 ao final de 2007.

Destinos No Brasil

Pautando-se em estratégias que envolvam essa oportunidade identificada, os destinos podem começar a melhorar estratégias em prol de uma melhor gestão e almejando a visibilidade como destino turístico inteligente. Considerando os aspectos quantitativos da análise e o total de respondentes em detrimento com o universo de pesquisa, tem-se um erro amostral de mais ou menos 9%.

Para Thomaz, Biz e Gândara as tecnologias da informação e comunicação desempenham um papel muito mais amplo dentro de um destino turístico. Tendo em vista a evolução do marketing nos destinos, essas tecnologias também intermediam processos relacionados a promoção. As redes sociais e demais ferramentas utilizadas pelos turistas em uma viagem geram uma enorme quantidade de dados que podem ser utilizados para melhorar a gestão de um destino (Thomaz, Biz & Gândara, 2013). Algumas áreas de atuação do turismo (sociais, tecnológicos e de infraestrutura) são importantes para se mensurar o quanto estes dados podem beneficiar o destino.

Através destas afirmações, é possível dizer que a gestão de um destino é a base para que o turismo se desenvolva de forma sustentável em uma localidade. Velasco-Gonzáles elenca em seu estudo sobre a governança turística algumas diretrizes que devem ser trabalhadas para que o instrumento de gestão – a política de turismo – possa se desenvolver. Tais diretrizes são caminhos a serem seguidos que podem levar um destino ao êxito na governança como ressaltado por Ejarque em seu livro. Tais diretrizes estão apoiadas na relação com os turistas, na relação com as empresas turísticas e na relação com o destino turístico. Cada diretriz elencada pela autora possui sua importância dentro do processo permanente que é a gestão de um destino considerando as condições adequadas para seu desenvolvimento (Pulido-Fernández & Pulido-Fernández, 2014).

GerenteDoSite

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Back to top